sábado, 8 de julho de 2017

Atualização dos últimos dias

Deveria ter havido uma postagem de atualização na semana passada. No entanto, após ter publicado s2, a primeira história conjunta da subsérie "A turma" do Retnuh, admito que minha mente simplesmente deu de ombros, achou que fez um bom trabalho e deixou por isso mesmo; só lembrei que tal postagem deveria existir no domingo. Àquela altura, não adiantava mais falar nada. Deixássemos então para a semana que se seguia, quando seria certeza de que haveria um pouco mais para falar.

Apesar de postagens semanais tratando de atualização serem ótimas ideias, eu temo em dizer que não teria muito o que dizer se eu tivesse, de fato, feito alguma coisa aqui. A boa notícia é que todo esse tempo extra me permitiu pensar no que eu já poderia divulgar, e acredito que chegou a hora de fazer justamente isso.

Vou também aproveitar para falar um pouquinho sobre como foi o processo de criação do s2, mais abaixo. Mas, garanto, esse não será o foco do dia (ou noite, dependendo de quando você está lendo isso).


 1. As Aventuras de Retnuh 6 

Eu gostaria de começar falando que criar um título é uma tarefa tão importante quanto ela é difícil. Às vezes, dependendo do que está sendo criado, realmente não importa muito. Mas, na maioria das vezes, o título é um fator que pode muito bem definir se você vai se interessar por algo ou não.
Venho aprendendo que, num processo de criação, não podem haver acidentes, em especial quando se trata de um elemento tão importante quanto o título.

Basicamente, estou querendo dizer que, no momento, já tenho um título em mente para o vindouro Retnuh 6, mas, ainda estou analisando se ele é, de fato, a melhor opção. Enquanto escrevo isso, minha mente dá várias voltas, analisando possibilidades e formas de aproximação. Mas, nada digno de menção ainda...

Com meu pequeno desabafo fora do caminho, falemos de novidades de fato.

Sei que já dei uma visão bem breve de como as coisas podem ficar na nova história, mas, acredito não ter mencionado ainda sobre como vai ser a aproximação dessa história.

O que eu gostaria de falar, para começar, é que a nova história vai manter o Retnuh nos holofotes novamente. Dessa vez, pretendo explorar um pouco mais a sua forma de pensar, e expor um pouco mais de sua personalidade e características.
Aproveitarei ainda, é claro, para explorar os demais personagens também, mas, já deixo claro que o foco principal da história será o Retnuh de novo. A grande diferença é que ele não vai lidar com um membro familiar de personalidade... hã... forte a todo instante.
 Eu também gostaria de aproveitar a ocasião para liberar uma pequena arte conceitual da nova história, voltada justamente para dar um gostinho do que vocês poderão encontrar em Retnuh 6.


É, eu sei que não parece muita coisa, MAS, essa imagem terá um significado importante na nova história! Qual o significado, você pergunta? É o que veremos em breve!

Por enquanto, isso é tudo o que tenho para compartilhar no atual momento em relação a esse projeto. Falemos, de maneira breve, do que foi publicado semana passada.

2. s2 - um breve comentário

A ideia pra s2 surgiu no dia 11 de junho, às 23:00hs, aproximadamente. A inspiração veio depois de experimentar o doodle do Google (putz) do Dia dos Namorados, que tinha aparecido mais cedo no meu computador e celular, por algum motivo.
Aquele era um joguinho interessante, e achei tão fofo que percebi que eu precisaria fazer algo a respeito do "feriado".

Escrevi um roteiro de forma rápida para organizar as ideias e comecei o trabalho quase que imediatamente...! No entanto, era óbvio que terminar em menos de 24 horas seria um impossibilidades, ainda mais considerando que, mesmo que eu conseguisse fazê-lo de fato, o trabalho poderia ficar apressado e sem valor ou polimento.

O atraso acabou sendo benéfico, acredito.

O roteiro que escrevi para s2 era para uma história um pouco maior, com, chutando aqui, duas páginas a mais. Talvez três... No entanto, quando sentei para analisá-lo, a primeira página já feita, havia algo ali que não clicava. Retirei o excesso, e, enfim, acredito que o resultado ficou passível.

Um outro ponto que me surgiu com a redução do roteiro foi em relação à linguagem. Eu havia decidido, desde a concepção da ideia, que não pretendia deixar os personagens falando.
No entanto, enquanto estava no meio da segunda página, percebi que eu já tinha usado muitas palavras em alguns quadros: a vitrine sendo um exemplo. Pensei um pouco e acabei tendo a ideia de remover quaisquer palavras, deixando apenas símbolos para referenciar linguagem, de maneira que se tornasse em algo um pouco mais universal.
Isso também se estendeu para o título, acredite se quiser. Não consegui pensar em nada de muito empolgante, admito, embora o nome do projeto fosse "Quase-namorados". Não soa muito bem, não é mesmo? "s2", por outro lado, clicou comigo, em especial por conta da ideia dos símbolos.

Foi também uma ótima oportunidade de experimentar um pouco mais com o programa de desenhos, onde descobri ser possível simular um lápis de cor, que usei para colorir todas as páginas e quadros. Apesar de, admito, ter achado o resultado final bem interessante, visualmente, devo dizer que o trabalho necessário para pintar aquilo tudo não foi exatamente... hã... Flexível. Digamos apenas que prefiro me manter usando os pincéis que já usava em outras ocasiões, embora eu não desconsidere o "lápis de cor" indefinidamente.

Procurei misturar a agenda de trabalho de s2 com o Retnuh 6, e, como as páginas de s2 eram consideravelmente mais simples de se fazer do que o estilo menos "cabeçudo" do projeto principal, digamos assim, não foi algo que afetou as coisas negativamente.

Para fechar este tópico, e esta postagem, eu gostaria de falar, apenas, que trabalhar nesse estilo mais "diferente" do Turma do Retnuh foi bem interessante, dificuldades com lápis à parte.
Certamente é algo que quero fazer novamente, embora não sei ainda sob quais circunstâncias uma dessas histórias seria apropriada... Seja como for, tenho certeza de que isso virá até mim.

E isso é tudo por hoje! Espero que você tenha um ótimo final de semana, e uma semana melhor ainda. Agradeço àqueles que leram até aqui, e vejo vocês na próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário